sexta-feira, 11 de julho de 2014

EDUCAÇÃO AMBIENTAL EM FOCO


Aconteceu durante os meses de Maio e Junho uma experiência pedagógica bem sucedida na Esc. Mun. Pe. José Schardong, desenvolvidas pelas alunas do PIBID (Programa Institucional de Bolsa de Iniciação à Docência), da UFFS, acompanhadas pelas professoras titulares das referidas áreas, e com a participação de todos os professores e da comunidade escolar de modo geral.
O público alvo foram os alunos dos 7ºs e 8ºs Anos.  O tema trabalhado foi o Meio Ambiente, com ênfase em Ciências Ambientais.
Na primeira semana, o desafio foi um olhar voltado à Educação Ambiental, pensando ações e estratégias dentro do âmbito e ambiente escolar.
Na segunda semana, o tema abordado foram as relações Ecológicas, cuidados com o Meio Ambiente, Ar, Solo e Água. Neste tema trabalhado, o momento que chocou a turma e os remeteu a uma reflexão mais séria, foi ao assistir o Filme, “Os Nossos Filhos nos Acusarão”, que mostrou a todos, que em um futuro bem próximo, poderemos sofrer consequências terríveis, caso não venhamos a mudar nossos hábitos de vida e de consumo.
Na terceira semana, o foco se voltou a Prevenção, reutilização, obtenção e destino de metais, dos plásticos, do vidro e do papel.
Durante o desenvolvimento deste tema, foram confeccionados vários objetos com  materiais recicláveis e que poderão ser utilizados no dia a dia com um período de vida útil considerável. Ainda foram mostradas algumas formas corretas de como reciclar e/ou reaproveitar o que muitas vezes jogamos fora e ainda possui valor econômico e ambiental.
Na quarta semana, foi aplicada uma Ecogincana, onde todas as questões se voltaram para o Meio Ambiente.
Durante a Ecogincana os alunos tiveram que, num ato público, responder a 30 questões voltadas aos temas abordados durante todo o período. A Técnica adotada pela Coordenação dos trabalhos foi a forma “Quiz”, onde cada uma das  quatro turmas dispunha de um minuto para definir a resposta correta, num universo de cinco alternativas. Este foi o momento de mais vibração e empolgação, dando a oportunidade para cada grupo poder demonstrar o conhecimento adquirido ao longo da temporada.
Encerrando a tarefa, cada turma construiu uma Paródia ou RAP voltado especificamente ao tema. Trabalhos criados pelos alunos:

7º ANO B (Turma Destaque)
É PRECISO CUIDAR DO PLANETA
(Paródia “É Preciso Saber Viver”



Quem espera que o planeta
Seja salvo sem esforço
Pode até ter esperança
Ou morrer no fim do poço
É preciso ter consciência
Pra mais tarde não sofrer
É preciso sobreviver

Todo lixo no caminho
Você pode retirar
Uma flor tendo espinhos
Você pode preservar
Se a consciência existe
Você pode refletir

É preciso sobreviver
É preciso sobreviver, sobreviver
É preciso sobreviver
É preciso sobreviver, sobreviver.


7º ANO A
VIM PARA TE ALERTAR


Vamos salvar o planeta
De um mundo que só quer brilhar
Vem aqui meu irmão
Basta acreditar

Eu sou alguém de paz
Mas chega de poluição
E a esta hora
Cadê o coração

Eu só sou uma pessoa
Que vim para te alertar
\:Que o nosso mundo
Está por acabar:\

Essa é mais uma história
Pra gente acreditar
Que o meio ambiente
Pode ficar com está

O homem não sabe o que faz
Ele só pensa em gastar
A natureza revida
Com tudo que ela traz.



8º ANO A
POLUIÇÃO DO SERTÃO
(Paródia “Menino da Porteira”)



Toda vez que eu viajava
Para o lindo interior
Eu via paisagens lindas
E também jardins em flor
Mas o tempo se passava e muita coisa mudou
Muitas matas estão caídas
O jardim desabrochou
O ar ficou poluído
Desmatamento chegou
Os venenos matam muito
As coisas lindas do interior
A floresta que era verde
Agora já se secou
O pomar que era tão lindo, agora já se acabou
Nos caminhos verdejantes
Muitas coisas encontrei
Florestas estão caídas
Foi daí que eu pensei
Pra onde foi a beleza
Que um dia eu avistei
A maldade estava feita
Nos campos que visitei
Parei por algum instante
Num ranchinho beira chão
Vi uma mulher chorando
Quis saber qual a razão
O moço lá da cidade veio tarde pro sertão
O estrago já foi feito
É tamanha poluição
Contemplei esta triste imagem
E até pedi perdão
Pois meu lindo carrinho
Também causa poluição
Estragando aquele ar puro
Que havia no sertão
Foi neste momento ali
Que eu entendi a situação
O ranchinho do estradão
Do pensamento não sai
Eu já fiz um juramento
E assumi minha missão
Vou proteger a natureza
Do perigo e poluição
Pois quem destrói tudo isso
É um homem sem coração




8º ANO B
CUIDE DO MEIO AMBIENTE (RAP)



Quero um meio ambiente
Limpo e bem cuidado
Para isso faço a minha parte
Limpe e cuide do seu cantinho
Com amor e carinho

Pois um futuro melhor está a caminho
Não se faz sozinho
Não jogue lixo em seu lugar
Com certeza um dia limpo
Dele vai precisar

Trate com devido lar
Limpeza e dedicação
Não pode faltar
Se você fizer sua parte
Nosso planeta irá melhorar.













quinta-feira, 12 de junho de 2014

FUTEBOL ... ENVOLVENDO CULTURA


O mundo em ritmo de Copa. Nada melhor do que vibrar com este acontecimento, não só através de festas, mas também através da cultura. Pensando assim, os alunos dos 6ºs e 7ºs anos, orientados pela professora Valdete Krindges, de Língua Portuguesa, pesquisaram o significado de alguns termos usados no ambiente futebolístico.

 O objetivo foi compor um Dicionário do Futebol. Cada aluno pesquisou o significado da palavra ou expressão e o apresentou numa folha de ofício, devidamente ilustrada, usando o formato ou desenho de um objeto do mundo do futebol: bola, camiseta, arco, campo, jogador, entre outros. O trabalho resultou em um rico glossário de palavras, como açougueiro, gol de peixinho, frango, furar, salto alto, chuveirinho, leiteiro, melancia e muitas outras palavras.  O Dicionário estará à disposição dos alunos na Biblioteca da Escola.




COPA DO MUNDO

Em ano de Copa do Mundo, a paixão pelo futebol, o esporte mais popular do país, fica evidente nas ruas, no comércio, nas casas, nos meios de comunicação, a população respira futebol em todos os ambientes e a escola não poderia ficar de fora.






segunda-feira, 19 de maio de 2014

REDUÇÕES JESUÍTICAS - CULTURA INDÍGENA

Missões Jesuíticas, também denominadas de Reduções, são os antigos aldeamentos indígenas organizados e administrados por jesuítas no continente americano, com o objetivo de civilizar e evangelizar os nativos americanos (indígenas).
Todos estes aldeamentos se organizavam seguindo um plano geométrico perfeitamente ordenado, com poucas variações. Desenvolviam-se em torno de uma grande praça, de um lado se erguia a igreja, com casas anexas para viúvas e órfãos e uma escola, a casa dos missionários e as oficinas, atrás da igreja se cultivavam o pomar, horta e o curral dos animais. No lado oposto ficavam as moradias dos índios e a administração da Missão.

Trabalhando o tema da cultura indígena, durante os meses de abril e maio, os alunos do 8º Ano da Escola Municipal Pe. José Schardong, realizaram nas aulas de História, a confecção de maquetes das Reduções Jesuíticas, culminando o tema trabalhado em sala de aula.






quinta-feira, 10 de abril de 2014

PRODUZINDO RAPs

Um dos objetivos da Língua Portuguesa é produzir textos orais e escritos de modo autoral, usando com proficiência os recursos da língua para interagir de forma eficaz nas mais diferentes situações de comunicação.

      Pensando nisso, foi oportunizado aos alunos das turmas do 6º e 7º ano conhecer, escutar e produzir um RAP. Inicialmente foi comentado com os alunos a origem desse gênero textual, que são discursos rítmicos com rimas e poesias, que surgiu no final do século XX entre as comunidades negras dos Estados Unidos. O RAP é um dos pilares fundamentais da cultura hip hop. Os cantores de RAP são conhecidos como rappers ou MCs, abreviatura para Mestre de Cerimônias. Num segundo momento os alunos leram, escutaram e trocaram ideias sobre o RAP Linhas Tortas do cantor Gabriel O Pensador. Posteriormente os alunos, orientados pela Profª Valdete Krindges, foram desafiados a escrever e apresentar um RAP com tema livre. Surgiram vários assuntos desde relatos do cotidiano, meio ambiente, campanha da fraternidade, entre outros. A seguir uma amostra dos RAPs feito pelos alunos:


Escrita RAPs
 
RAP DA TURMA
                                     Camily Laís Lutkemeyer e Luize Haab Schuster – 6º A)
No 6º ano
Somos turmas A e B
Alunos que se integram
E gostam de aprender
 
       Mas não podemos
Nos esquecer
       Da nossa amada professora
       que faz nós aprender.
O sexto ano é capaz
É uma turma exemplar
/: Que no final do ano
Vai comemorar:/ 
No 6º ano A
Todos querem aprovar
Mas para isso
Precisam estudar 
No 6º ano B
Todos querem saber
Para no final do ano
Não se arrepender
 
 
RAP DO DIA A DIA
                                    (Ana Eduarda Cagliari e Stéfani Caroline Roos – 6º B)
 
       Cada dia acordo cedo
Vou para escola
E quando chego
Vou estudar 
Estudo Inglês e Português
Tem História e Geografia
No recreio de lanche
Tem torta fria. 
Não gostamos de estudar
Mas gostamos de brincar
/: Estudar, brincar
Brincar, estudar:/
Também tem Inglês e Espanhol
Ciências e Matemática
Essas matérias
São muito dramáticas.
 
 
RAP CANSEI DE NAMORAR
                                                          (Haidê Schmidt, Cássia Thiele, Larissa Veensma, Carolina Klein – 7ºA)
Quero ver quem quer me ver dançando
E continuar cantando
Quero ver
Estende aí a mão
Que eu toco o seu coração. 
/: 4028922 cansei do namorado
vô jogá Playstation 2:/
Quero ver alguém lutar por mim
Chora por mim, me amar até o fim
Se você sair dessa estrada
Não encontrará outra morada.
Chegou um carinha e veio até mim
Pediu meu telefone falei assim:
4028922 cansei do namorado
vou jogar Playstation 2.
 
RAP MEDO NA ESCOLA
                                      (Suelen Both e Nathália de Oliveira – 7º B)
Tudo começou quando entrei na sala
A professora já me olhava com uma cara de braba
Eu nem sabia se chorava ou me escondia
Quando mais ela olhava pra mim
Mais eu queria desaparecer (eee)
/: Com a cara de braba:/ 
Fiquei com tanto medo
Quando ela olhava pra mim
Nem sabia o que ela queria de mim
O que será que aconteceu
Que ela olhava tanto pra mim?
Será que foi a prova que não terminei
Ou o trabalho que não entreguei?
 
RAP DA PAZ
              (Ana Carolina Werle e Andiara Kuhn – 6º B)
       Não conseguem enxergar
Violência e racismo
No entanto Deus criou
Várias raça e cores 

Tráfico humano
Não deve se repetir
Toda vez que acordo
Vejo isso novamente 
/:Penso no racismo
Penso no tráfico humano
Penso na violência
Penso na esperança de mudar:/
A copa tá aí
A violência vem surgindo
O racismo entre as pessoas
Cada vez vem aumentando 
Dizer não ao tráfico humano
É nosso dever de cada dia
Acordo pensando
No que pode acontecer

 

quarta-feira, 2 de abril de 2014

PALESTRA MOTIVACIONAL

       Tiago Girardi, Diretor de Marketing Elite Consultoria, esteve na escola, no dia 01 de abril, para ministrar uma palestra motivacional aos alunos dos 6ºs aos 8ºs anos com o tema "Sucesso  na Vida e no Trabalho".

 


Agradecemos ao Tiago pelas palavras de motivação que trouxe aos nossos alunos e a todos os demais que assistiram a sua palestra.

Qualquer pessoa pode realizar seu sonho independente de sua condição financeira, desde que tenha coragem... (Walter Disney)

VISITA DO PREFEITO

       No dia 31 de março esteve na escola o senhor prefeito municipal  René José Nedel com o objetivo de realizar uma visita aos alunos, professores, funcionárias e equipe diretiva e observar o funcionamento deste educandário.
       Em sua visita o senhor prefeito falou aos alunos sobre a necessidade de valorizar os professores e da importância de estudar cada vez para se construir um futuro mais próspero e mais igualitário.